Loading...

terça-feira, 7 de fevereiro de 2012





Com quase 5 anos de atraso, Emílio Macedo deixa de ser presidente do Vitória. A corda finalmente partiu. Pena que tenha partido com tanto atraso e que o Vitória e os vitorianos ainda venham a sofrer num futuro próximo com a gestão ruinosa de Emílio Macedo e seus pares. Era um desfecho inevitável depois de ter ficado sozinho, sem apoios, sem soluções e sem capacidade para gerir um clube da dimensão do Vitória.


Emílio Macedo foi "mais um" erro de casting do Vitória. Um presidente sem preparação, que se rodeou de gente sem competência. Uma vez e outra. Mas Emílio Macedo não esteve só e, no momento da sua saída, é bom que ninguém esqueça os elementos que com ele estiveram e que nada acrescentaram ao clube.


Hoje, é o primeiro dia do resto das nossas vidas. Altura de, juntos, procurarmos soluções. Procurarmos alternativas. Fazermos o Vitória reeguer-se, de vez. Adivinham-se tempos muito complicados, face ao actual estado do clube, mas estou convicto que os vitorianos saberão juntos salvar o Vitória e construir o caminho do sucesso. Mesmo que hoje, mais do que nunca, tenha de haver a noção de que o Vitória que todos ambicionámos não será construído de um momento para o outro.


Depois de encontrada uma solução, é bom que ninguém esqueça como e quem nos atirou para o estado em que estamos actualmente!


Força Vitória!

Sem comentários:

Enviar um comentário